quinta-feira, 19 de abril de 2012

Vereador autoriza destruição de sítio arqueológico

Não reeleja ignorante! Valorize seu voto!   

    O vereador Deglaber Goulart do PMDB está mais uma vez no meio de uma polêmica. Autorizou uma empresa privada a fazer uma "limpeza" em um terreno que é cadastrado como sítio arqueológico desde 2003, no Estreito,. bairro do Continente.

    Por ignorância ou má fé, o vereador que se desincompatibilizou do cargo de secretário do Continente para concorrer nas próximas eleições, afirmou que "fui procurado pelo dono da da Harley Davidson para fazer a limpeza porque o local estaria sendo usado por usuários de droga. Uma pessoa não pode impedir que se faça a limpeza do terreno. Ela não manda na prefeitura. Se for terreno do município, vamos limpar".

    A desculpa de que autorizou o uso de uma retroescavadeira que faria terraplanagem no sítio foi de que o local era frequentado por usuários de drogas. A mesma desculpa que usou para autorizar a contrução de um muro que impede o acesso da população ao mirante da praia das Palmeiras, em Itaguaçu.

    Deglauber, ao ser avisado de que a área é sítio arquelógico protegido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), saiu-se com a seguinte resposta: "A competência do Iphan é cem metros de raio da Ponte Hercílio Luz".

    É esse tipo de gente que cuida da nossa cidade. Ignorantes e fazedores de negócios.

Nenhum comentário: