segunda-feira, 28 de maio de 2012

Secretário adjunto da Segurança é indiciado em inquérito policial

Delegado Renato Hendges em entrevista exclusiva para o cangablog relata o caso e levanta suspeitas sobre a participação de integrantes da cúpula da Segurança no desvio dos motores ( foto montagem do rosto do Renatão no corpo de Bat Masterson. É somente audio)
    
    O coronel Fernando Rodrigues, diretor adjunto da Secretaria de Segurança, acaba de ser indiciado no inquérito policial realizado pela DEIC que investigou o desvio de motores e peças do depósito do DETRAN para um desmanche em Joinville.
As denúncias de envolvimento do coronel e de integrantes da cúpula da secretaria de Segurança Pública (SSP) no Estado vieram à tona quando da exoneração do delegado Cláudio Monteiro do comando da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Deic), em Florianópolis.
     Na época os delegados do Deic, solidários com Cláudio Monteiro, afirmaram que o vazamento das informações do inquérito não estava associada a uma tentativa de explicar a saída do delegado Monteiro da chefia da Deic. Mesmo assim, acusaram autoridades que ocupam cargos de chefia na segurança de supostamente terem dado aval à saída irregular de alguns motores de caminhões que estavam apreendidos no depósito da SSP. Os motores foram parar num ferro-velho em Joinville, onde seriam comercializados com valor bem superior ao que foram pagos numa licitação de sucata.

Um comentário:

Anônimo disse...

Não caiu ainda???
DEMOROUUUUUUUUUUU, FALA SÉRIO.
ESSE É O GOVERNO COLOMBO, DESVIO DE VERRO VELHO, ESQUENTA DE CARRO ROUBADO, E POR AÍ VAI. AI ZEZUIS.