quarta-feira, 23 de maio de 2012

A imprensa a improbidade administrativa do vice-governador

    Colunista político Roberto Azevedo (DC) publicou ontem que o vice governador Eduardo Pinho Moreira "pela segunda vez em menos de dois anos (...) está envolvido em um episódio com o estouro de pneu de um trem de pouso de aeronave. O último foi sábado, no final da tarde, quando o avião Carajás do governo do Estado teve um dos pneus dianteiros estourados após decolar de Três Barras, no Planalto Norte, onde Moreira participou de um evento".
    Bem, o envolvimento de Pinho Moreira com pneus não é de apenas dois anos. Já vem de longe, desde o tempo da sua empresa, a Triradial, revendedora de pneus que deu um calote de milhões no finado Banco do Estado de SC (Besc).
     Agora, na verdade, Pinho Moreira anda envolvido é com aviões do governo. Aviões mantidos e pagos com o nosso dinheiro. Dinheiro úblico!
    O que estaria fazendo o Sr. Triradial no Planalto Norte catarinense num sábado de sol aboletado nos bancos confortáveis da aeronave do governo do estado? Pergunto eu!
    Logo na edição de hoje (23) o colunista Azevedo apressou-se em explicar o que andava fazendo o vice-governador em Canoinhas: "Moreira assinou convenios e participou de um encontro do PMDB em Canoinhas".

    Ora, ora...conta aqui pro bonequinho!!!!!!

     Em primeiro lugar, vice-governador não tem função administrativa. Não pode assinar convênios. Se assinou é tão frio como as promissórias da Triradial.
    Em segundo lugar, Pinho Moreira estava usando um bem público, o avião Carajás, para fazer política partidária o que é crime de improbidade administrativa!
    Mas isso não é de hoje. Pinho Moreira é useiro e vezeiro na arte de usar avião público em favor do seu PMDB. Vejam o que twitou o seu assessor de imprensa, Rodrigo Comim, em 31 de janeiro de 2012:

@RODRIGOCOMIN1
\"No hangar do governo com o secretario Acélio Casagrande, vamos para Criciúma com o Vice governador\"
\"Presidente do Deinfra (Paulo Meller) e Acélio Casagrande já presentes. Vamos todos para Criciúma, evento do PMDB\"

Será que tinham alguns convênios para assinar também?????
Alô Ministério Público!!!!!! Isto é uma provocação. Bota a mão nele!!!!!
 

3 comentários:

Anônimo disse...

Duvido muito que o MP ou outro órgão faça algo.
As provas não foram lícitas (há só foto e reportagem de jornal e twiters, provas não autorizadas em Lei). São só indícios e suposições.
Tu não entendeu, o vice não pode assinar, mas assina, num "ato político", para que o dinheiro venha mais rápido. Na verdade está agindo pelo bem da população...

A utilização de bens públicos para promover campanha dá resultados... só falta (além do fundo partidário, q já dá um dinheirinho pros partidos) o financiamento público de campanhas.

Anônimo disse...

Na boa, não acredito que o MP não faz nada. Canga, você poderia enviar o "print" deste post para a promotoria da moralidade pública instaurar inquérito civil?

Anônimo disse...

Quando não anda no avião de rosca da policia civil!.