quarta-feira, 18 de julho de 2012

Anatel proíbe TIM, OI e Claro de vender chips

     A Anatel decidiu suspender a partir desta quarta-feira a venda de chips de três das maiores operadoras de telefonia móvel do país: TIM, Oi e Claro.
    Somadas, as três empresas têm cerca de 70% do mercado de telefonia móvel no país.
    A Folha apurou que as vendas ficarão interrompidas até que elas apresentem um plano de investimento para os próximos dois anos, com metas para resolver problemas na qualidade dos serviços prestados aos consumidores.
    Os técnicos da Anatel trabalhavam, nesta manhã, com previsão de impedir a venda e a ativação de novas linhas pela TIM em cerca de 15 Estados, pela Oi em 6 e pela Claro em 3.
     A medida, que deve ser anunciada pela Anatel nesta tarde, em coletiva à imprensa, foi motivada pelo índice de reclamação dos consumidores sobre essas três empresas. Leia mais. Beba na fonte.

2 comentários:

Anônimo disse...

Anatel, que sempre comeu na mão das operadoras, agora dando uma de macho??
Ora pois...

ORRAIO disse...

Metas para resolver problemas na qualidade dos serviços prestados aos consumidores?
Não era a Embratel e as operadoras estaduais que não prestavam?
E aquela conversa mole neoliberal de que a mão invisível do mercado tudo provê?