quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

ESCÂNDALO BOCELLI

Juiz manda ouvir o tenor italiano Andrea Bocelli no Jockey Club de São Paulo

  
  Com show marcado para o próximo dia 13, no sofisticado Jockey Club de São Paulo, o tenor italiano, Andrea Bocelli, foi intimado em despacho do juiz, Alexandre Morais da Rosa, da 1º Vara Criminal da Capital, a prestar depoimento como testemunha no processo criminal por prevaricação, sobre o desaparecimento de R$ 2,5 milhões em show de Natal que não aconteceu em Florianópolis.
   O conhecido "caso Bocelli" foi aquele em que Dário Berger, prefeito de Florianópolis, e o então governador Luiz Henrique da Silveira, tramaram o famoso Natal dos Sonhos. A festa megalômana dos dois políticos - a dupla ficou conhecida como: os homens que enganaram o ceguinho - incluía uma gigantesca árvore de Natal e a presença do famoso tenor italiano.
   Nada disso aconteceu e o dinheiro, mais de R$ 7 milhões, desapareceu!
   O que é mais intrigante nisso tudo, é que os principais mandantes o crime, foram deixados de fora do processo pelo Ministério Público de Santa Catarina. 
   Uma Vergonha!!!!!! 

   Leia todos os detalhes na matéria Escândalo Bocelli: Sua excelência o fato



6 comentários:

Anônimo disse...

Tem nego que fecha os olhos para o que até cego já viu!!

Anônimo disse...

Ahhh Essas idéias do LP...

Anônimo disse...

E o tal de 'domínio do fato'?? aqui não cabe??

Anônimo disse...

O Juiz não assinou a carta precatória cheia de erros, assinou??

Anônimo disse...

Adoram citar artista quando o cara dificilmente tem algo a ver com o que realmente importa. Tem que ser mto atoleimado pra achar que o cara entende do contrato que foi travado, como se não ouvesse equipe por trás disto. Aí fica juizinho achando o máximo que o Andrea Boccelli foi no gabinete dele, oficial de justiça brigando pra ver quem vai citar o cara... e o nosso dinheiro sumiu.

Anônimo disse...

Dário+PMDB = Corrupção e ladroagem!!!!