quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Leitor preocupado com concorrência dos táxis

    Ilustríssimo Senhor Secretário de Transportes, Mobilidade e Terminais,   Cumprimentando-o cordialmente e, de forma objetiva, suscito esclarecimento sobre a CONCORRÊNCIA PÚBLICA SMTMT Nº 001/2010 (Serviços de Táxi), no sentido da prorrogação da validade do referido certame. Isto porque, em seu item 19.2 o Edital prevê:
   "A presente Concorrência Pública terá validade de 02 (dois) anos, a contar da data de homologação do resultado final de classificação, podendo ser prorrogada uma única vez, por igual período, a critério do Órgão Gestor." A homologação do resultado final se deu em 22/12/2010, conforme se depreende da publicação contida no site da FEPESE, responsável pela execução da concorrência pública

(http://taxipmf.fepese.ufsc.br/?=home&mn=106a6c241b8797f52e1e77317b96a201).
    

   Assim, restando pouco mais de um mês para o encerramento do referido edital, e, considerando a possibilidade de prorrogação deste por mais dois anos, atrelado ainda ao fato de existirem outros classificados para desenvolverem as atividades de taxista em Florianópolis, além da circunstância de que tal medida visa economia de recursos públicos caso se faça necessária a elaboração de uma nova concorrência para prestação deste serviço, bem como a notória e pública ciência da população sobre o déficit de táxis nesta capital, questiono:

A concorrência pública em questão será prorrogada por mais dois anos?

Um comentário:

Anônimo disse...

Se tirarem as licenças dos chefes da Celesc que estão "trabalhando" como taxistas, não precisa prorrogar nada, vai sobrar vaga.