sábado, 9 de março de 2013

TERÁ CUBA UM SÓ BLOG?

   Por Janer Cristaldo
   Deus está morto, Marx agoniza, o papa renunciou e eu fui parar numa UTI. Que século, meu Deus! Não, a boutade não é minha. Estou parafraseando achado de um jornalista do Monde, que li há uns bons 40 anos. Resumindo: estou voltando de um mês de estaleiro, onde vivi longe do que ocorre no planetinha. Mas há fatos da época que ainda merecem um comentário.
   Assim sendo, perdi a visita da única blogueira que existe em Cuba. Sim, única, pois pelo jeito ninguém mais bloga na ilha. Foi saudada pela Veja como a blogueira que assusta a tirania. Ora, se assustasse, estava no fundo das grades, e não fazendo turismo privilegiado mundo afora, onde fustiga a tal de tirania com pétalas de rosa. Veja, entusiasmada, vai mais longe e pergunta: “por que a ditadura cubana e seus seguidores no Brasil têm tanto pavor de Yoani Sánchez, a ponto de tentar calar sua voz à força?” 
   Ora, ninguém tem pavor da blogueira. Cuba certamente não, pois a deixou sair.
   Alguns malucos que ainda vivem no século XIX tentaram bagunçar a viagem da moça ao Brasil e impedi-la de falar. Leio que a maioria tinha menos de 25 anos. Roberto Arlt, considerado o Dostoievski argentino, coloca na boca de um de seus personagens: “A revolução, a faremos com os jovens. São estúpidos e entusiastas”.
   Em minha vida, encontrei não poucos jovens maduros e sensatos e tive imenso prazer em confraternizar com eles. Mas, no geral, tenho de concordar com Arlt. E vou mais longe: estúpidos, entusiastas e senis. A Europa largou o castrismo há décadas. É espantoso que no Brasil ainda haja quem o defenda.
   Acompanho um dia sim, um dia não, os artigos de Yoani no Estadão. Jamais a ouvi falar dos Castros como ditadores. Aliás, já li “presidente Raul Castro”. Até parece o Samy Adghirni, o correspondente muçulmano da Folha de São Paulo em Teerã, que chama Ahmadinejad de presidente. 
   Leia o artigo completo. Beba na fonte.

Um comentário:

Anônimo disse...

Deus está morto, Marx agoniza, o papa renunciou e eu fui parar numa UTI.

Dinâmica/Dinamismo.

BV