domingo, 30 de junho de 2013

Prefeito suspende "adoção" do Parque de Coqueiros


   Por determinação do prefeito César Souza, foi suspensa a assinatura do contrato de “adoção” do Parque de Coqueiros pelo Grupo Globo (que é composto por empresas como a Globovel e Globo Construtora). 
   A parceria deveria ter sido firmada segunda-feira (24), em um ato que marcou o lançamento oficial do Continente Saudável, projeto que, entre outras ações, prevê a revitalização de praças e parques da área Continental. De acordo com o secretário municipal do Continente, João Batista, o projeto de adoção do Parque passará por um processo de debate com a comunidade, o que havia faltado.
   Na cerimônia, foi anunciada a adoção de 21 locais. As praças da Praia do Meio e do Bom Abrigo serão adotadas pela Hoepke e pela Associação Islâmica, respectivamente. Já a futura praça que será feita no Abraão terá como padrinho a empresa Cota.
   No início da solenidade, o prefeito Cesar Souza - questionado sobre os protestos feito por lideranças de Coqueiros contra a adoção do Parque pela Globovel - garantiu que “nada será feito se a comunidade não estiver à vontade”.

Um comentário:

Mané Estrangeiro disse...

Parabens Prefeito. Sempre acertando na mosca.