quarta-feira, 13 de agosto de 2014

13 de agosto...quarta-feira

...poderia ser sexta-feira! Dia de azar diria o pessimista supersticioso. 
   Dia de sorte, diz a mãe!
   Treze de agosto de 2014, dia do seu anivesário!
   Hoje a Dna. Noé está completando 94 anos de vida cheia e feliz!

   Nunca deu bolas para dificuldades ou sofreu por antecipação, nos ensinou isso. Uns aprenderam mais...outros menos. 
   Os seus ensinamentos durante todos esses anos de vida foram aceitos ou não por seus 5 filhos. Cada um interpretava os conselhos à sua maneira e conveniência. 
   No meu caso ela sempre dizia:
   - o Sérgio Antonio (claro, é a única pessoa no mundo que me chama pelo nome...completo) é muio querido. Aceita tudo que a gente fala, mas só faz o que ele quer!
   Bem...mesmo assim assimilei muito do seu conhecimento e hoje aprendo mais ainda. É sábia!
   
   Temos convivido quase que semanalmente, agora. Fui buscá-la em Quaraí, na fronteira, a poucos dias, e está em Blumenau passeando pela casa da filha. Semana que vem, vejam a disposição, se manda para Natal, Rio Grande do Norte. Vai visitar outro filho.
   Quando fui buscá-la em Quaraí, mês passado, convidei o Ramiro, meu filho, para ir junto. São 1.150 km de estrada até a fronteira. Pernoitamos em Porto Alegre e cedito no más, no outro dia, tocamos até Quaraí.
   Na volta, antes de saírmos para Florianópolis, a mãe já avisou: - Sem paradinhas, heim! Vamos tocar direto! 
   Frente a tal disposição, obedecemos! Quaraí-Florianópolis de um tiro só! Toca-lhe o pau Canga velho!

   Ano passado, quando fui buscá-la, sempre em julho para fugir do frio, acabamos fazendo uma parada técnica em Torres. À noite, fomos tomar algo e comer uns camarões. Encontramos vários restaurants e bares a beira de um rio que desaguava no mar.    Escolhemos uma mesa com vista para o rio e nos deliciamos comendo, bebendo e conversando. 
   De repente, surge uma lua cheia enorme por detras de uma montanha e nos deslumbra a todos!
   A mãe, então, exclama: - Quem diria, heim Sérgio antonio, eu assistindo essa lua maravilhosa aqui na foz do rio Mampituba!

É chute! Pensei...dentro de minha ignorância geográfica.
- Que Mampituba, mãe? perguntei!

- Sérgio Antonio, não conheces o Mampituba que divide os estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul? 
   Daí em diante discorreu sobre rios e lagoas do sul do país. Lembrava de todos!
   Só me restou dizer: 
   - ...é mãe, essa aula eu devo ter perdido! 
   
   Os filhos, por mais que aceitem ou não aceitem seus conselhos e ensinamentos, tem uma coisa que desejam fortemente: serem herdeiros da sua capacidade genética! 
Fazer 94 anos com saúde, autonomia e vontade de viver é algo muito especial!

   Feliz aniversário Dna. Noé!

Nenhum comentário: