segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Texas Urgente

   Diante das informações oficiais de que Raimundo Colombo estará de férias até 21 de Fevereiro e que, segundo a Secom, vai visitar o seu amigo e consultor Bira, que trabalha no Texas, este blog foi obrigado a contratar um repórter free-lance nos Estados Unidos. 
   
   Optamos pelo jovem John Wayne Junior, neto do velho cowboy do Far-West norte americano. Ele é formado pela Kansas University e especializado em bovinos, equinos e ovinos.
  
   Por John Wayne Junior

   Na primeira noite em solo texano, Colombo e Bira, com as esposas, foram recebidos pela família Cartwright, na Fazenda BORNANZA. Ben Cartwright, viúvo e pai de três filhos, foi o grande anfitrião da noite. A esposa do governador lageano preparou um "entrevero" para homenagear os donos da casa. Como não havia pinhão na região, usaram castanhas.

   Durante o "sarau" Colombo cantou o Canto Alegretense, cuja melodia encantou os Cartwright. Em retribuição, os filhos do viúvo, cantaram: Oh Suzana não chores mais por mim, eu vou para o Alabama com um banjo no meu (knee) joelho.
   Colombo, visivelmente emocionado, disse: - Se não tivesse sido político, teria sido cantor...

   Os Cartwright responderam: - Melhor continuar sendo político... O Bira sorriu.

   Amanhã, uma extensa programação pelo Texas, porque Colombo não para de trabalhar nem quando está de férias.

Nenhum comentário: