quinta-feira, 24 de setembro de 2015

O gênio e a gênia

lulinha   Lula, o sábio, teria aconselhado a presidente para ter cuidado com a nova reforma ministerial.

   Não poderia desagradar os papas do PMDB, Michel Temer, Renan Calheiros e Eduardo Cunha.

   Cunha, o desafeto, o “bandido”, o “propineiro”, acabou levando o Ministério da Saúde.

   Colunista Reinaldo Azevedo que pergunta: Dilma foi incapaz de pensar isso sozinha?

Nenhum comentário: