quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Tragédia da merda. Por onde anda Gean Loureiro?

Rio do Brás o "vilão" da temporada desaguando na praia de Canasvieiras
   Com toda a crise de balneabilidade acontecendo no norte da Ilha de Santa Catarina, com o desastre ecológico e turístico, um dos mais rentáveis negócios de Florianópolis, a mídia local, nacional e internacional (Canasvieiras: la playa está llena y advierten por la contaminación del mar)
não para de noticiar o caos e a esculhambação, que se instalaram no midiático "paraíso" da Ilha da Magia.
   
   Já era! Tragédia anunciada! 
   
   A ganância, a corrupção, os maus empresários, os ignorantes, os políticos financiados, finalmente venceram.
   Venceram a natureza maravilhosa e pródiga que foi a origem das suas fortunas. A natureza que vendem em comerciais de televisão e jornais atraindo turistas incautos para uma arapuca extorsiva, que depois de depenados sem usufruir o que compraram voltam para suas casa frustrados e com a certeza de que são idiotas.
   "Inteligentes" são os gestores e empresários de Florianópolis. Inteligentes não, ESPERTOS! Malandros, enganadores, mentirosos, destruidores.
   A mídia local é cúmplice desta bandidagem trágica que finalmente se revelou com toda a sua face de merda e doenças nas praias do norte de Ilha de Santa Catarina.
   Quando denuncia, a cada temporada, algum "problema" nas praias, o objetivo nunca é resolver o problema mas apontar o dedo para algum político, pois está a soldo de outro.

   Negócios! Dinheiro! Porque nunca deram os nomes dos poluidores de Canasvieiras, dos Hotéis que poluem, dos restaurantes e das mansões que jogam merda onde se banham? Sempre são denúncias genéricas sem rosto e sem nome.

   Onde anda Gean Loureiro, o ex-presidente da Fundação do Meio Ambiente, órgão ambiental responsável pela preservação dos recursos naturais de Santa Catarina que tem como missão licenciar e fiscalizar qualquer obra que tenha impacto na natureza.



   Hoje deputado estadual, Gean Loureiro é o campeão dos factóides. Usa a mídia como ninguém, é profi! É claro que tudo isso é a base de dinheiro como os múltiplos outdoors que estampavam a sua "lata" em qualquer data comemorativa e que depois viemos a saber que estava "intimamente" ligado à empresa de propaganda envolvida na Operação Ave de Rapina, da Polícia Federal.

  
Líderes comunitários entregaram manifesto ao presidente
da Fatma. Foto: Jessé Giotti / Agência RBS
A
No dia 19 de fevereiro de 2013 o então presidente da Fatma, Gean Loureiro, reuniu uma comitiva e foi até às margens do Rio do Brás, em Canasvieiras, anunciar para moradores e turistas uma “força-tarefa” contra a poluição e ligações clandestinas de esgoto no Norte da Ilha.

   Acompanhados dos vereadores Edinho Lemos e Pedrão Assis, Gean recebeu um manifesto dos moradores, cansado da absoluta inércia da Fatma. Na época, a visita do presidente da Fatma foi destaque na imprensa. O Diário Catarinense registrou:
(…)A degradação do meio ambiente em Canasvieiras é denunciada há anos pelos moradores, principalmente pelo esgoto não tratado, que segundo a comunidade é descartado no rio e vai para o mar. Na oportunidade, foi entregue ao presidente da Fatma, Gean Loureiro, um manifesto sobre a poluição.
  -Estamos todos lutando pela mesma causa
- disse Loureiro.

   O presidente da Fatma, à época, reforça que a operação vai continuar e deve se concentrar nos pontos críticos de Florianópolis: Rio do Brás (Canasvieiras), Rio Capivari (Ingleses) e Lagoa da Conceição. Posteriormente a força-tarefa deve se estender para outros 26 municípios. Ao todo, estão mapeados 195 pontos críticos em todas as regiões. (…)

   Agora, diante do quadro atual, os moradores querem saber onde anda o ex-presidente da Fatma e atual deputado estadual, que por essas e outas é conhecido como o Rei do Factóide. E querem saber, também, para o que afinal serve a Fatma.

   Cobrado pelo jornalista Giba Gonçalves, na época, o então presidente da Fatma foi taxativo na sua missão de resolver o problema...e ainda falou: podes me cobrar!

  
     É tudo uma piada!

10 comentários:

Fernando Fernandes disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Jane Petry da Rosa disse...

Enfim alguém lembrou dele... É tão culpado ou ate mais q os outros. Sempre encolvido em negocios excusos. Parabéns pela "bela" lembrança.Que todos lembrem disso mas eleições para a prefeitura.

Anônimo disse...

se botar o link no face dele ele apaga e diz que a fonte é duvidosa. kkk

Anônimo disse...

E além disso, essa Jane Petry vem com papo político eleitoreiro, mas arrumou sua boquinha com com a turma da Dilma no Pronatec, basta ver no link abaixo. Já ta fazendo campanha pra Angela Albino, a comunista da 5a Avenida, em Nova Iorque.
http://pronatec.continente.ifsc.edu.br/bolsistas/

Lia¬¬ disse...

Para que serve a FATMA? Vejamos... Para abrigar até gente que foi chutada de escola onde era diretora, serve? Por que não foi mandada para outra escola?

Anônimo disse...

Cambada de políticos corruptos, só estão pensando em quanto vão levar de propina, um cargo destes tem que ser de um especialista, e não de um político bandido, safado e ladrão comprovado.

Lourival Dos Anjos disse...

Gente, longe de mim eximir de culpa qualquer um dos governantes ou orgaos citados anteriormente, mas a gente esquece que a culpa da poluicao dos rios e corregos no norte da ilha eh do povo! Quando condominios de tamanho consideravel jogam esgoto diretamente no rio, empresarios, pessoas ligam diretamente seu esgoto ao rio para ter um pura e simples economia, quando vamos as praias e deixamos um chiqueiro na areia, tudo isso causa situacoes como a que nos deparamos em canasvieiras nos dias atuais. Se cada um fizer o seu, sem visar sempre se dar bem, nao precisariamos de fatma, floram ou qualquer outra coisa. Vamos ser pessoas melhores!

Anônimo disse...

Olá sou Andrey Trarbach Fraga, frequento as praias de Florianopolis e tenho me preocupado demais com a poluição nas praias , causando principalmente por esgotos irregulares e falta de investimento da Casan. Em Florianópolis muito tem se comentado sobre a poluição do RIo do Braz em Canasvieiras(faz limite com Cachoeira do Bom Jesus) , mas há vários rios ou riachos poluídos que desembocam em praias e tem pontos impróprios para banho. Rio Capivari, na praia dos Ingleses, Riozinho, na praia do Campeche, rio na praia de Jurere tradicional , rio Sangradouro, na Armação , riachos nas praias Brava e Lagoinha. (Notei até mesmo Lagoinha em alguns momentos impróprios para banho)
http://www.fatma.sc.gov.br/laboratorio/dlg_balneabilidade2.php


Esse é o primeiro anexo da Fatma de SC. Nesse anexo mostra todo o histórico de balneabilidade ao longo dos anos.

http://www.fatma.sc.gov.br/laboratorio/dlg_balneabilidade.php

Esse segundo anexo é das ultimas balneabilidades (está o histórico também desse início de ano) em cada ponto
http://www.fatma.sc.gov.br/laboratorio/mapa.php

Este ultimo anexo é o mapa atual dos pontos próprios e impróprios.
Outros pontos a destacar:
Em Canasvieiras há um rio de esgoto que desemboca em frente a rua Acari Margarida . AInda em Canasvieiras há outros esgotos e pequenos canos jogando esgoto na agua ao longo de toda a praia (um dos maiores fica em frente a Rua das Flores) .
Já na praia dos Ingleses há um esgoto que sai debaixo de restaurante no centrinho dos Ingleses , e em direção as dunas, pela beira da praia, há pelo menos mais 3 canos com esgoto também, supostamente irrregulares.
No Campeche foi feita reportagem de alguns esgotos também . Jurerê tradicional há vários pontos de esgoto irregular também destaco os pontos: a uns 300 metros do limite entre Jurerê e Jurerê internacional , em baixo de um deque, em frente a APCEF, um ao lado do Residencial Ilha de Santa Catarina, um bem em baixo do trapiche,outro em frente a Servidão Waldemar Medeiros, um a alguns metros do Condomínio Canajure, há ainda canos nas pequenas praias que vai até a divisa com Canasvieiras na Ponta dos Morretes.
Até o ano retrasado um ponto me suspeitou, que fica bem nas pedras de Jurere Internacional logo no ultimo acesso a praia. Frequento a praia (em 2015 e agora em 2016 não reparei, mas antes logo ao subir as pedras tinha um odor muito forte, parece que o problema nesse local foi resolvido, mas também podem verificar)
Esses são todos os pontos que conheço e verifiquei no google maps. Agora há o streey view bem na beira das praias, dai podem denunciar os pontos irregulares.
Enviei muitos pontos, significa que o problema é muito grave. Quanto ao ponto q me referi a jurere internacional é o acesso onde há uma placa escrito bem vindo a praia do Forte, já que ali é o limite dos bairros. E parece que o que vejo nas pedras é a água fluvial mesmo, mas até 2014 notava um forte odor e água escura.
Obrigado

Denunciem o mais rapido possivel

Unknown disse...

Pelo jeito se esqueceram...

Sílvia Helena Miollo Borgmann disse...

Pelo jeito se esqueceram...