sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Lula indiciado e o senado "sem moral"

A Polícia Federal indiciou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a mulher dele, Marisa Letícia, no inquérito que investiga a reforma e a propriedade do tríplex no Condomínio Solaris, no Guarujá, litoral paulista. Lula foi indiciado pelos crimes de corrupção passiva, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. Já Marisa, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro (confira aqui o documento). (Veja) 

GLEISI HOFFMAN: "NÃO TENHO MORAL" 
A senador Gleisi Hoffmann disse, em plenário, que não se arrepender de ter afirmado que "o Senado não tem moral para julgar Dilma Rousseff".
"Eu me incluo, eu não tenho moral para julgar a presidenta. Muitos aqui estão respondendo a processo, inclusive eu."

ROTO FALANDO DO DESCOSIDO 
Renan Calheiros, presidente do Senado, confessou hoje que interferiu no Supremo Tribunal Federal a pedido da senadora Gleisi Hoffman:
    “Ontem a senadora Gleisi chegou ao cúmulo de dizer que o Senado Federal não tinha moral para julgar a presidente da República. Como uma senadora pode fazer uma declaração dessa? Exatamente uma senadora que há 30 dias o presidente do Senado Federal conseguiu no Supremo Tribunal Federal desfazer o seu indiciamento e o do seu esposo que havia sido feito pela Polícia Federal. Isso não pode acontecer, é um espetáculo triste que vocês estão dando para o país”. 

Nenhum comentário: