sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Gean vai cortar gratificações de funcionários que realmente trabalham



   Boa noite Sergio, 
sou Motorista da Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis. Gostaria de esclarecer algo que a grande mídia não mostra. O corte de gratificações e horas extras vai afetar única e exclusivamente quem realmente trabalha na PMF. 
   Os "super salários" tão criticados não sofrerão cortes, na realidade, se ocorrerem serão ínfimos. Quem mais vai perder é justamente que recebe menos. Um servidor que hoje recebe 10 mil reais de vencimento básico mais gratificações, continuará com seus 10 mil, pois nenhum decreto poderá por lei reduzir esse valor. 
   No meu caso em particular, assim como de outros colegas, recebo 1.139 reais de salário básico, mais insalubridade, gratificação de extensão de jornada e 60h a 200% (que na realidade não são 200%, pois a hora a 100% equivale a 27 reais e a hora a 200% equivale a 34 reais). Somando tudo, com descontos, recebo liquidos 3500 reais. Isso meu amigo, para trabalhar 12h por dia de segunda a sexta feira, inclusive e, feriados e pontos facultativos fazendo o transporte de pacientes para hemodiálise, químio e radioterapia, fisioterapia, consultas e exames. 
   Com os cortes sugeridos pelo Prefeito, perderemos as gratificações, e nossos salários passarão pra minguados 1200 reais. Nesse "bonde" estão todos os auxiliares, técnicos, assistentes. Estamos verdadeiramente apavorados com essa possibilidade.
Grande abraço,

Eduardo

9 comentários:

Anônimo disse...

"Enquanto alega falta de dinheiro, contrata 447 cargos comissionados com salários a partir de R$ 4.423,50 (gasto mensal de R$ 2.884.612,87), além de facilitar o pagamento de dívidas de empresários com a prefeitura - 180x sem multas ou juros. O valor da dívida a ser cobrada dos maiores devedores ultrapassa R$ 1,5 bilhão e os gastos com contratos inúteis e terceirizações seguem à toda."

Ana Magalhães disse...

Não vamos pagar pela irresponsabilidade do gestor! Respeite nosso trabalho! Nenhum direito a menis! #foragean #piorprefeito

Julio disse...

Só não entendi uma coisa se você é motorista, porque recebe insalubridade? O que tem de insalubre neste trabalho?

Rodrigo disse...

Ou seja, agora vao receber o mesmo que quem faz a mesma funcao na iniciativa privada recebe, sem ter os beneficios de estabilidade, aposentadoria etc. Injusto eh um motorista ou auxiliar receber a mesma coisa q um gerente de media empresa ganha, ou 3x mais do que alguem q exerce a mesma funcao.

Anônimo disse...

Injusto mesmo é pobre criticando pobre só por inveja.

Leila disse...

Acredito que ele ao conduzir pacientes , muitos com doenças infecto contagiosas tenha que receber tal benefício.
Entra em contato e ocupa o mesmo transporte.

Leila disse...

Na iniciativa privada quando se é demitido se recebe Fgts e posteriormente seguro desemprego.
Serviço público não temos nenhum destes benefícios, saímos sem nada.

RicardoPinho disse...

Então, a luta por não é por elevar a vida do povo e sim igualar todos por baixo. Triste.

Eduardo disse...

Caro Julio, creio que trabalhar 12h seguidas transportando pacientes com as mais diversas doenças e ter de fazer a desinfecção da ambulância (sim, nós que limpamos sangue, vômito, etc) é trabalho insalubre.