domingo, 29 de dezembro de 2013

Colombo: "2014 vai ser um ano de pisar no acelerador"

Foto adrede preparada pela SECOM/SC.
   Por Graham Hill Jr.* 

   Raimundo Colombo deu entrevista ao Diário Catarinense e abriu o coração.
   Disse que obras paradas prejudicam as pessoas. Que é muito grato à Dilma presidente e que por isto votará nela para receber os R$ 10 bilhões previstos na compensação das alíquotas diferenciadas do ICMS que transformaram os portos de Santa Catarina nos mais ativos do Brasil.
   Disse que o PP virá e com ele estarão os descontentes também. Disse que seu governo “deslanchou”. Não explicou se parou de fazer “lanches” ou se a lancha singrou os mares do sul.
   Disse que prefere não ter o PT como aliado, mas apenas o dinheiro do governo federal.
   E disse que em janeiro próximo, quando for aos EEUU, visitará o estado de Indiana para treinar um pouco na famosa pista de corridas. 

*Graham Hill Jr. é o responsável pela cobertura em Indiana/EEUU. Especial para o Cangablog.

2 comentários:

Anônimo disse...

Já que o Colombo vai botar o ovo em pé no estado norte-americano de Indiana, seria muito bom ele também levar gente do judiciário para ver se os índios de Indiana também conseguem atormentar a passagem do progresso ao se ampliar rodovias. Bom, ele também pode passar algum dos vários cassinos que existem nas reservas indígenas e fazer algumas apostas em caça-níqueis ou na roleta mesmo!
Luciano

Anônimo disse...

Não adianta pisar no acelerador quando o carro não tem motor.