quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Os candidatos e a eterna juventude

   Por Leal Roubão 

   Após o pequeno incidente referente a censura às minhas considerações (leia aqui) sobre o perfil dos candidatos, já sanado, resolvi olhar o semblante de alguns deles.

   O César Souza, por exemplo, parece o irmão mais novo do atual prefeito da capital.
   

   Jovem e esticado, sorri para seus eleitores nos diversos out-doors da cidade.  


   A combativa Ada Lili de Luca, sempre na luta que continua, cada vez mais rejuvenescida. 
   
   Nem parece ter nascido em 1949.

   Gean Loureiro, o doador de terras, também rejuvenesceu. 
   
   A voz continua rachada, mas como os cartazes não falam, interferência não há.

   Em Portugal costumamos trocar as moscas a cada eleição. Aqui, parece-me que usam o botox como solução.

   Pergunto-me, então: Se são capazes que fazer pequenas alterações em suas próprias aparências, serão capazes de alterar outras coisas também?




Um comentário:

Anônimo disse...

Canga, o Cesar Souza, ficou com a cara do jornalista João Dória Júnior, o rei da plástica e do botox...