segunda-feira, 13 de outubro de 2014

A reunião secreta dos Dilmistas em Lages

   Um encontro de prefeitos da Serra Catarinense convocado pelo governador Raimundo Colombo, sexta-feira passada em Lages, teve um acontecimento inusitado: os convidados, ao chegarem na portaria, eram obrigados a deixar seus telefones celulares em um saco plástico, que depois foi grampeado com toda a segurança.

   A reunião que tinha como objetivo aparente motivar a "indiada" a buscar votos para a candidata Dilma do PT, acabou transpirando suspeita de que a motivação seria outra. Secreta e escondida da população. 

   Ao proibir a entrada de celulares na dita reunião, os organizadores parece que estavam se precavendo contra futuros vazamento (gravações), ao estilo Petrolão, de gravações que poderiam denunciar o real motivo do encontro.

   O que de tão secreto escondiam os Dilmistas em Lages?

Informação original do blog do Edson Varela.

Um comentário:

Tio Quinca disse...

Tio Canga do Céu, me diz aí o que realmente foi grampeado, se o telefone celular de cada um ou o saquinho plástico...