domingo, 12 de outubro de 2014

O oportunismo de Luiz Henrique

   O colunista Moacir Pereira publicou hoje que o senador Luiz Henrique da Silveira não vai mais apoiar a candidatas Dilma do PT neste segundo turno.
   Segundo Moacir Pereira, em sua coluna no DC, LHS "recolheu-se depois das eleições de primeiro turno para avaliar o resultado e definir a campanha presidencial no Estado. Pelas informações que transmite a correligionários e assessores, Luiz Henrique não apoiará a presidente Dilma Rousseff".
   Luiz Henrique, como fazem sempre os peemedebistas, justifica a decisão com o "apelo!" das bases e ideranças do partido que segundo ele sõ adversários históricos em Joinville e outros municípios de SC, do PT de Dilma.
   No primeiros turno este argumento sequer foi levantado. O senador não ouviu as bases no primeiro turno e poiou Dilma. Agora jogou a "presidenta" na bacia das almas.
   O comportamento oportunista de Luiz Henrique da Silveira indica que ele teria informações previlegiadas que dariam vitória a Aécio Neves neste segundo turno.
   LHS justifica a mudança de candidato com o "apelo" das bases partidárias que, convenientemente no primeiro turno não ouviu!
Carinha...

Um comentário:

Kirk Lauschner disse...

É o modo de operar do PMDB: reunir esforços para sugar dinheiro público da forma mais eficiente.