sexta-feira, 26 de maio de 2017

O 5º Constitucional e o escândalo da OAB/SC

Alex Santore, o Breve, entre Raimundo Colombo (governador) e Torres Marques, presidente do TJ/SC
   Prestes a vir a público um grande escândalo que relata a mirabolante trama para eleger o advogado Alex Santore - pelo 5º Constitucional - que o levaria ao importante cargo de desembargador do TJ, a mais alta corte de Justiça do Estado.

   Após vencer todos postulantes e passando pelas "rigorosas" etapas e crivos da OAB e Tribunal de Justiça, Alex Santore teve seu nome ungido pelo governador Raimundo Colombo e, ato contínuo, sua posse suspensa pelo TJ e logo todo o processo anulado pelo Conselho da OAB.

   A farsa
   Santori, "o Breve", como ficou conhecido, não tinha as credenciais exigidas por lei para pleitear a vaga de desembargador. A farsa acabou descoberta.
   A trama para eleger Santore, teria sido urdida nos subterrâneos de algumas instituições, como OAB, Alesc, TJ, passando por lautos jantares em petit comitê.

   Sabatinas rigorosas
   Os candidatos passam por um "estreito" filtro da OAB que, depois de analisar profundamente a vida pregressa e ilibada dos inscritos, envia uma lista sêxtupla ao Tribunal de Justiça. 

   Lá, no TJ, os doutos desembargadores fazem outra filtragem, desta vez, uma sabatina sobre o alto saber jurídico dos causídicos da lista. Após um extenuante exame os componentes da mais alta corte de Justiça do estado votam uma lista tríplice que será apresentada ao governador do estado.
   Diante de tão rigoroso crivo, entende-se que os três escolhidos representem, conforme o número de votos, uma hierarquia de "o melhor", "o médio" e "o pior"!
     O governador escolheu "o pior": Alex Santore.

   De tudo isso depreende-se, principalmente, que a OAB/SC está sendo manipulada por forças estranhas à atual direção.

   Para quem fez campanha criticando as indicações políticas, comuns no passado da OAB, é lastimável que a nova diretoria tenha se deixado manipular por políticos. Este episódio deixa a atual diretoria mal na foto!

   Ficou feio, OAB! 

Convite impresso e distribuido: dinheiro jogado fora.





3 comentários:

Anônimo disse...

MAFIA!!!

Anônimo disse...

O "sistema político brasileiro" está, carcomido, apodrecido e fetido, e esse câncro já corroeu quase todas as instituições.

Luiz Antonio disse...

Canga, a OAB não foi manipulada, ela manipulou junto com a "República de Xanxerê" pela indicação de quem teve relevante desempenho na negociação da dívida da Defensoria Dativa. ALiás, dizem que Alex Heleno abre porta como ninguém nos três poderes antigamente sediados na Praça Tancredo Neves (um deles está na SC-401)...