terça-feira, 5 de janeiro de 2010

PSOL pede a cabeça de Pavan na Alesc

Release da assessoria de imprensa do PSOL

O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL/SC) requer nesta terça-feira, 5 de janeiro, pedido de impeachment do vice-governador Leonel Pavan (PSDB) junto a Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc). Segundo o presidente do PSOL, Afrânio Boppré "os fatos já apontados pela Polícia Federal e Ministério Público Estadual são suficientes e justificam o pedido de impeachment".

A decisão foi tomada em reunião extraordinária do PSOL catarinense.
O documento possui 14 páginas e pede o afastamento do vice-governador de suas funções até que o processo seja analisado pelos deputados estaduais. Segundo Boppré, "se a Assembléia Legislativa quiser continuar sendo reconhecida como a Casa do Povo e Poder independente, deve acolher a iniciativa do PSOL".

O PSOL foi o primeiro partido a requerer impeachment de José Roberto Arruda (DEM), governador do Distrito Federal flagrado com dinheiro nas meias. Também em 2008, o PSOL gaúcho se destacou pelas denúncias contra a governadora Yeda Crusius (PSDB), do Rio Grande do Sul, sobre a compra de sua mansão com dinheiro de campanha eleitoral.

Amilton Alexandre deixou um novo comentário sobre a sua postagem "PSOL pede a cabeça de Pavan na Alesc": Vai te catar Afrânio. Qual é tua, meu camarada. Aparecesse agora. Onde andavas desde as eleições para prefeito? Que súbito interesse esse, contra os corruptos? Para cassar o Dário não fazes sem cócegas. Onde estavas quando apareceu o escândalo da árvore e do Bocelli. Não vem que não tem . Vai ser oportunista lá na Caixa Prego. O lugar existe e fica na Ilha de Itaparica, na Bahia. Detalhe, nem inventa ser candidato a alguma coisa em 2010. Eu que sou teu amigo, me considero, vou cair de pau.

Yuri deixou um novo comentário sobre a sua postagem "PSOL pede a cabeça de Pavan na Alesc": A tese de uma rede de comunicação, exposta em reportagem de seu jornaleco de circulação estadual, é que o pedido seria improcedente pois o partido não tem representação na ALESC.
Estão ficando cada vez mais sem vergonha na cara...
Yuri.

4 comentários:

Anônimo disse...

Se LHS tem maioria na ALESC para aprovar a venda da mãe de qualquer deputado, se quisesse, que dirá num caso desses? Não vai nem fazer "cosquinha"..rs..rs.

Anônimo disse...

O PSOL deve mandar uma cópia desse pedido impeachment para as Câmaras de Vereadores de Fpolis/SJ.
Quem sabe fica mais fácil as câmaras requererem os impeachment dos 2 prefeitos. (IRMÃOS BERTRALHAS)

Amilton Alexandre disse...

Vai te catar Afrânio. Qual é tua, meu camarada. Aparecesse agora. Onde andavas desde as eleições para prefeito? Que súbito interesse esse, contra os corruptos? Para cassar o Dário não fazes sem cócegas. Onde estavas quando apareceu o escândalo da árvore e do Bocelli. Não vem que não tem . Vai ser oportunista lá na Caixa Prego. O lugar existe e fica na Ilha de Itaparica, na Bahia. Detalhe, nem inventa ser candidato a alguma coisa em 2010. Eu que sou teu amigo, me considero, vou cair de pau.

Yuri disse...

A tese de uma rede de comunicação, exposta em reportagem de seu jornaleco de circulação estadual, é que o pedido seria improcedente pois o partido não tem representação na ALESC.
Estão ficando cada vez mais sem vergonha na cara...
Yuri.