quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Saint Paul de Vence




Sergio Rubim (sem dinheiro público)

Estive hoje em Saint Paul de Vence. Uma aldeia medieval nos Alpes perto de Nizza de frente para o Mediterrâneo. Um lugar fascinante. Rodeado de muralhas a aldeia tem pouco mais de 3 mil habitantes e é cheia de ruelas em seu interior. Mas o que é mais interessante é que cada casa é uma galeria de arte. Se respira arte o tempo todo. Das paredes ao piso das ruelas.
Sait Paul, por sua beleza, atraiu os grandes criadores das escolas artísticas do século XX como
Matisse, Soutine, Chagall, Renoir, Signac e Modigliani além de escritores, cineastas e documentaristas.
Várias figuras do mundo das artes contribuiram para o esplendor cultural da pequena aldeia medieval. Hoje, Saint Paul de Vence continua promovendo a arte contemporânea com suas renomadas galerias de arte.
De todos os grandes pintores franceses Marc Chagall foi o que mais viveu Saint Paul. Se mudou para ali em 1966 e ficou por 20 anos. Deixou várias obras pela cidade. Morreu em 1985 e está enterrado no seu cemitério. Existe um roteiro turístico que se chama "Nos passos de Chagall" que percorre a aldeia descobrindo obras, pinturas e mosaicos do artista em paredes e prédios públicos. Um arraso!

Nenhum comentário: