sábado, 9 de janeiro de 2010

Tambosi derrapa no centro e erra de bar


Caro Orlando Tambosi,
Estou triste contigo. Meu ex-editor no jornal O estado, blogueiro e amigo Orlando Tambosi me saiu hoje com um comentário sobre blogueiros de bar do centro de Florianópolis que não entendi porque tanto ódio e preconceito neste coraçãozinho.
Partiu do comentário de uma leitora, Gabriela (?), e pegou vento na camisa afirmando que "alguns bares do centro de Floripa são refúgio de paspalhos ideológicos. A maioria vive nos anos 70. Alguns leram um livro ou outro, mas confundem fofoca ou opinião com conhecimento. Epistemologia, para eles, é palavrão do diabo capitalista".

Bem, pelo que entendi quem não for acadêmico como o amigo e não conhecer a palavra Epistemologia (teoria do conhecimento do grego ἐπιστήμη [episteme] hehehehe), é ignorante e outras baboseiras mais.

Caro Taió (apelido carinhoso do Tambosi), estou escrevendo estas linhas porque me queimei com a tua queimada generalizada. Graças a deus (kkkkk) que conheço o vocábulo fundamental para diferenciar um inteligente de um burro. Essa agressão não me tocou. Me senti ofendido quando dizes, na verdade repetes o que disse a Gabriela (?), que "simplórios, vivem imersos em concepções ideológicas pensando ter escapado da ignorância. Nada disso. O que sabem fazer bem é beber, beber, beber e pendurar a conta no Kibelândia, por exemplo. Ainda pensam que Cuba é oprimida pelo "bloqueio americano" e que o socialismo é a "salvação" da humanidade".

Bem, Taió, frequento a Kibelândia diariamente há muitos anos. Grande parte do Cangablog é feito à tarde por lá. Que eu saiba tem dois blogueiros que fazem isso. Eu diariamente e o Mosquito de vez em quando. Fora isso os "simplórios que vivem imersos em concepções ideológicas" há muito não frequentam mais o Kibelândia.
Então acho que embarcastes em uma canoa furada ao reproduzir e fomentar agressões gratuitas e sabe lá por que despeito da moça, pode ter sido mal atendida por lá, resolveu destilar a sua lixívia te vendendo um monte de impropriedades.


Nesses anos todos que frequento a Kibelândia nunca te vi entrar no bar. Como professor de jornalismo, filósofo, escritor e profundo conhecedor de epistemologia não tinhas o direito de cometer esta derrapada. Devias checar as informações que publicas.
A Kibelândia é frequentada por pessoas que bebem como tu, intelectuais, funcionários públicos, jornalistas, desembargadores, advogados, gente simples, desempregados como eu e o que menos tem lá é petralha e mala ideológico. Lá não se criam mais. É um bar de discussão sim, se discute política, esporte e religião. discussão democrática sem discurso ideológico ou impositivo. É um bar extremamente democrático.

Dois reparos: não sou socialista nem fascista, estou desempregado e não defendo a dinastia dos Castro em Cuba e o Mosquito não bebe. Não estou aqui para defender o Mosquito mas apenas para te demontrar que as informações que colocaste no teu blog são totalmente estapafúrdias e de uma agressão gratuita que me surpreendeu.

És incansálvel para meter o pau na política nacional, não das trégua aos petralhas nacionais mas nunca vi uma nota tua sequer sobre a onda de corrupção que acontece aqui em Santa Catarina no governo de tucanos, pemedebes e Demos. Daqui não denuncias nada.
A única vez que escreves para meter o pau em alguma coisa daqui desancas no bar mais antigo, tradicional e democrático de Florianópolis em post recheado e inverdades maldosas.
Esse bar que estas falando não é a Kibelândia. Vem tomar umas no centro para poder avaliar melhor esse assunto.
Do amigo
Canga

Comentários

Amilton Alexandre deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Tambosi derrapa no centro e erra de bar": Canga. Esse Tambosi, faz agressões gratuítas a minha pessoa. Fala que sou do grotão lulista, que rezo a cartilha cubana.Nunca me viu ou trocou uma palavra comigo, pelo menos não lembro. É mau-caráter. Há tempos usa seu blog para desqualificar meu trabalho. Depois do teu esculacho, vem com o rabo entre as pernas, tentar uma aproximação com o jornalista Sérgio Rubim. É o Prates da UFSC.
Ele já sabe do convite que recebi de seu colega professor Hélio Schuch para ministrar palestra sobre novas mídias e liberdade de expressão, no ninho dele, o Curso de Jornalismo da UFSC. Fala que seu blog tem 300 acessos dia. Pena que vamos ajudar a aumentar os acessos. Com certeza leitores que irão conhecer o escroque.
Só até agora, 13:27 h o tijoladas teve, num domingo 680 acessos e especificamente no post sobre o TROMBOSE 165 . Esse coitado vai dar muito ibope para o Cangablog e Tijoladas.

Canga parece que tua porrada não adiantou. Ele insiste em suas agressões gratuitas a minha pessoa, e meus seguidores. O canalha não tem coragem de falar meu nome.
Serão meus amigos e leitores?

Orlando Tambosi deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Tambosi derrapa no centro e erra de bar":Só mais uma coisa, Canga: meu blog nunca se propôs a "cobrir" o Estado (coisa que o Valente fazia muito bem).
Desde o início, é uma página acessada majoritariamente por leitores de outros Estados e do exterior (há muitos ex-alunos meus que abandonaram o Grotão lulista).
Tenho em média 700 acessos por dia. E é gente que não costuma usar adjetivos

Orlando Tambosi deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Tambosi derrapa no centro e erra de bar": Canga,
no post citado não me referi a blogueiros, mas a alguns frequentadores dos bares do centro que continuam prisoneiros de velhas ideologias. Evidentemente, se quisesse criticar você, não teria dúvidas em fazê-lo direta e pessoalmente.
Não sei por que razão você tomou as dores que apenas o tal de inseto deveria tomar. Ele vive fazendo, inclusive no meu blog, a única coisa que sabe fazer: adjetivar, lançar palavrões que lhe renderiam o milésimo processo judicial. Ele não sabe o que é substantivo. Coisa típica daquilo que intitulei "burrice ideológica".
Esse tipo de raciocínio vive da falácia ad-hominem: como não podem destruir argumentos, atacam a pessoa.
Quanto aos desafetos que aproveitam a carona, devem ser, de fato, herdeiros da ideologia dos anos 80.

Sr. Anônimo, por enquanto
Acabo de receber um comentário de leitor que não se identifica. Porém seu comentário é sério e de alguém que me parece conhecer bem o peculiar "micro-clima" acadêmico. Da próxima vez coloque o seu nome que o debate fica melhor.

Anônimo deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Tambosi derrapa no centro e erra de bar": Canga, meu cumpadre. Já que uma ex-aluna usou do anonimato para derranar toda sua frustração, como ex-aluno desafio a petralhinha a dizer seu nome. O que os alunos e ex-alunos que não se viciaram na cartilha marxista não gostavam é justamente do maniqueísmo petralha que instalaram no curso de Jornalismo por longos anos. O que a moçoila destila é sua raiva contra Tambosi por criticar delúbios, genuínos da cueca recheada, valérioduto, dirceus, dilmaligna etc. Como não podem acusá-lo de ser do psdb ou do demo (o pmdb do sarney beijo na boca da ideli, jader, renan e o pt de collor e a camarilha são a mesma coisa) aproveitou o post para tirar a 'réca'. O ataque anônimo ao Tambosi é pessoal e escroto, but... óbvio em seu amesquinhamento. Não acredito que o chopp da Kibelândia provocasse tanta biles na coitada. Se a petralhinha se identificar, identifico 9 entre 10 não 'catequisados' pelo Daniel, Adelmo e cia que pensam justamente o contrário do que afirmou. Anônimo, por enquanto.

Diogo deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Tambosi derrapa no centro e erra de bar": A ex-aluna exclamatória parece não ter apredido nada no curso de jornalismo, ou vai ver que cursou Unisul.

Diogo


Ex aluna do tambosi:

tambosi é um frustrado na vida !!!
ninguém o leva a sério !!! 10 em cada 10 estudantes de jornalismo da ufsc não o respeitam !!!
e ele se acha o intelectual ….

jornalista sem diploma de merda !!!

nem os professores o respeitam no curso
apenas o toleram…

Ele fala mal dos comunicólogos… se diz anti comunicólogos !!! e a favor dos jornalistas profissionais, mas ele é o maior comunicólogo do curso de jornalismo da ufsc!!!

mestrado em ciência de comunicação da USP… vai ser comunicólogo assim lá na puta que o pariu !!! vagabundo
direitista do caralho
neofascista!!!

verme !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

fica arrotando moral…. vomita da sacada do seu prédio seu verme neofascita
filho do hitler
ditador de merda

FRUSTRADO!!!!!!!!!!

nunca pisou em uma redação de verdade


Cometário de jeca tatu da polis - O problema da extrema-direita é que eles nunca são ideológicos, suas decisões sempre são técnicas, são pragmáticos e neutros como podemos perceber.
O caso do curso de jornalismo da UFSC é escandoloso o enlaçamento de seus professores com a RBS. A escola do jornalismo chapa branca, acrítico e a-histórico tem produzido muitos jornalistas para fazer noticia da previsão do tempo.
Um professor que acredita que posturas políticas são superáveis , apontando para os outros , em defesa da elite provinciana local, só pode achar que Mussolini e Hitler não morreram.
Este sentimento raivoso parece estar superado no Estado Liberal e Democrático de Direito…que muitos destes sequer lutaram para conquistar – muitos delatores agora saem da moita para atacar e voltar ao passado. As viúvas da ditadura e da tortura estão murmurando pelas esquinas e pelas escolas do jornalismo.

Helio deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Tambosi derrapa no centro e erra de bar": Bom. A epistemologia do jornalisno não mudou(?). Tem que ser simplesmente atualizada e ela faz isso por sí mesma. É dialético. Pq?. No momento em que começaram a surgir blogs que mudam o cenário político-policial (sim, são casos de polícia), surgiu essa nova vertente do jornalismo. Jornalismo no sentido "latu" da palavra. Jornalisno investigativo, combatente e até escrachado Que é como devem ser tratadas essas "razões de Estado". Tá um "escracho" geral. No momento, pelo que vejo, o úníco "bastião" da moralidade, diria até da "guerrilha" adaptada ao nosso tempo, com mais "èlain", são as armas empunhadas pelos queridos blogueiros independentes e combativos: a verdade através da liberdade de expressão. Uma hora "ELES" verão que a net é um território livre. Que não adianta processarem blogueiros, eis que as parcerias estão consolidadas. Impede num, publica noutro. Aff... sem falar que a lei de imprensa foi abolida e há um vácuo legal. Nem cabe mais direito de resposta. Mas juízes se atrelam a artifícios jurídicos que qualquer estudante de Direito derruba. Temos muito que percorrer. O país dos "bruzundungas" continua incólume. Nem Lima Barreto imaginaria que isso continuaria até nosso tempo..

Felipe deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Tambosi derrapa no centro e erra de bar": Pior foi o alter ego do filósofo, a tal Maria (de minas gerais e não do Espirito Santo), esculhambou com a manezada do alto de sua adiposa almofada, com base 'científica' em sua passagem por 90 dias espalhados em 3 anos pela Ilha.

8 comentários:

Anônimo disse...

Pior foi o alter ego do filósofo, a tal Maria (de minas gerais e não do Espirito Santo), esculhambou com a manezada do alto de sua adiposa almofada, com base 'científica' em sua passagem por 90 dias espalhados em 3 anos pela Ilha.

Amilton Alexandre disse...

Canga se esse fascista safado aparecer na Kibe boto ele para correr. Mas ficamos tranquilos. Lá ele não bota as guampas.
Mosquito

Helio disse...

Bom. A epistemologia do jornalisno não mudou(?). Tem que ser simplesmente atualizada e ela faz isso por sí mesma. É dialético. Pq?. No momento em que começaram a surgir blogs que mudam o cenário político-policial (sim, são casos de polícia), surgiu essa nova vertente do jornalismo. Jornalismo no sentido "latu" da palavra. Jornalisno investigativo, combatente e até escrachado Que é como devem ser tratadas essas "razões de Estado". Tá um "escracho" geral. No momento, pelo que vejo, o úníco "bastião" da moralidade, diria até da "guerrilha" adaptada ao nosso tempo, com mais "èlain", são as armas empunhadas pelos queridos blogueiros independentes e combativos: a verdade através da liberdade de expressão. Uma hora "ELES" verão que a net é um território livre. Que não adianta processarem blogueiros, eis que as parcerias estão consolidadas. Impede num, publica noutro. Aff... sem falar que a lei de imprensa foi abolida e há um vácuo legal. Nem cabe mais direito de resposta. Mas juízes se atrelam a artifícios jurídicos que qualquer estudante de Direito derruba. Temos muito que percorrer. O país dos "bruzundungas" continua incólume. Nem Lima Barreto imaginaria que isso continuaria até nosso tempo...

Amilton Alexandre disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Amilton Alexandre disse...

Canga. Esse Tambosi, faz agressões gratuítas a minha pessoa. Fala que sou do grotão lulista, que rezo a cartilha cubana.Nunca me viu ou trocou uma palavra comigo, pelo menos não lembro. É mau-caráter. Há tempos usa seu blog para desqualificar meu trabalho. Depois do teu esculacho, vem com o rabo entre as pernas, tentar uma aproximação com o jornalista Sérgio Rubim. É o Prates da UFSC.
Ele já sabe do convite que recebi de seu colega professor Hélio Schuch para ministrar palestra sobre novas mídias e liberdade de expressão, no ninho dele, o Curso de Jornalismo da UFSC. Fala que seu blog tem 300 acessos dia. Pena que vamos ajudar a aumentar os acessos. Com certeza leitores que irão conhecer o escroque.
Só até agora, 13:27 h o tijoladas teve, num domingo 680 acessos e especificamente no post sobre o TROMBOSE 165 . Esse coitado vai dar muito ibope para o Cangablog e Tijoladas.

Canga parece que tua porrada não adiantou. Ele insiste em suas agressões gratuitas a minha pessoa, e meus seguidores. O canalha não tem coragem de falar meu nome.
Serão meus amigos e leitores?

Guilherme disse...

Professores como o Orlando Tombasi são ilhas de inteligência e racionalidade dentro da UFSC, principalmente no curso de jornalismo, que se tornou o maior centro de produção de "perfeitos-idiotas-latinos-americanos".

Anônimo disse...

O que será que leva uma pessoa como Ornaldo Tombasi a atacar o Mosquito? Onde estava Tombasi na Novembrada?? Quem é Tombasi (ou Tombosi..sei lá)??
Mosquito e Canga, não deem 'ibope' para esse reacinonário, boçal de m., professorzinho de meia pataca.
Ele está apenas buscando notoriedade nos blogs de voces!

Mara disse...

Estou achando que o TAMBOSI ficou magoado com a história da árvore! Sabe como é: o Mosquito que não tem diploma, desbaratou o lance, foi a fundo, e promoveu um puta reboliço na Ilha da Fantasia. O Tambosi, que tem diproma, e que, por cobrir apenas a cena política nacional, ficou chupando o dedo, com dor de cotovelo, por ver um não-diplomado fazer o que ele não faz. E não faz mesmo, pois seria contra aqueles que defende pela sua omissão diária: os metralhas do PSDB e do DEM (pois para ele e alguns outros, apenas petralhas são o mal da nação, ledo engano queridos!).

Realmente Guilherme (10janeiro,2010 15:21), rapaz latino-americano nao idiotizado, o Prof. Tambosi é uma ilha, enfim, uma ilha numa ilha (da fantasia)!