quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Casa Rosa da Bocaiúva sob risco!

Pelo tipo de tombamento Casa rosa não poderia ser demolida mas...
    A antiga "Casa Rosa" da rua Bocaiúva, ao lado do prédio “Casa do Barão”, centro de Florianópolis, teria sido vendida para a contrutora Becker Construção Civil Ltda. Segundo informações que correm no meio imobiliário e da construção civil da cidade, o valor do negócio teria sido de R$ 17.000.000,00 (desesete milhões de reais), metade em dinheiro e metade em imóveis. 
    Informações obtidas dentro do SEPHAN/IPUF, atualmente esvaziado por completo pela administração Dário Berger, o chalé rosa é tombado em nível municipal, dentro da categoria P2. Essa classificação é dada para edificações de valor patrimonial que, no entanto, podem ter seus espaços interiores alterados, após aprovação do SEPHAN, resguardando-se suas volumetrias e detalhes externos, não podendo em hipótese nenhuma ser demolida.
    A compra já teria sido feita com o objetivo de se contruir ali um predio para o Ministério Publico de Santa Catarina, que já teria se reunido com representantes do IPUF, Floran e da própria contrutora para sondar a possibilidade da construção.
    Além da casa, também são tombados o terreno com árvores grandes e um riacho que passa bem pelo seu meio, o que, se repeitada a legislação, já impedirai qualque construção no lopcal. Todo esse patrimônio pode estar ameaçado se ali se contruir uma grande obra.
    É um caso para se ficar de olho! O prefeito Dário Berger e o superintendente da Floram, José Carlos Rauen, não teria nenhum prurido de, no apagar das luzes do seu governo, negociar o empreendimento e, por Decreto lei, "destombar" o patrimônio.
    Resta saber como se comportaria o Ministério Público em uma situação dessas.
    A conferir!

3 comentários:

Anônimo disse...

Grande Canga, só uma correção: o que corre ali no terreno é apenas e tão somente um canal de água pluvial, que vem desde o centro da cidade, passando por baixo da othon gama deça. Se quiseres ver parte dele que está exposta, vá naquela rua onde fica a base do SAMU, entre a Othon Gama e a Esteves Jr. Abraço!

Anônimo disse...

O saudoso Mosquito morou nessa casa

Anônimo disse...

Infelizmente esse é mais um processo excuso da administração municipal " Dário Berger" e o Jean vem ai para dar continuidade as falcatruas dos Berger!!!