sexta-feira, 17 de julho de 2015

Entenda os caminhos do processo sobre os políticos envolvidos na Lava Jato


   O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, prorrogou no dia 29/06/2015, o prazo para conclusão de 21 inquéritos que tratam de investigação sobre políticos na operação lava jato.

   Neste período, a Polícia Federal e o Ministério Público estarão realizando diligências em busca de mais provas. As diligências de busca e apreensão serão feitas em casas, escritórios, fazendas, casas de campo e postos de gasolina dos suspeitos.

  O novo prazo vencerá no dia 31 de agosto. O "trezista" e ex-técnico da seleção brasileira, Mário Jorge Lobo Zagalo, já andou comentando que agosto é o mês do desgosto e 31 é o 13 invertido!

   OS PRIVILEGIADOS
   Abaixo a lista dos políticos envolvidos na Operação Lava Jato e investigados pelo Supremo Tribunal Federal, por terem foro privilegiados:

- Inq 3883 - Fernando Collor
- Inq 3978 - Simão Sessim
- Inq 3979 - Gleisi Hoffmann
- Inq 3980 - João Pizzolatti
- Inq 3982 - Valdir Raupp
- Inq 3983 - Eduardo Cunha
- Inq 3984 - Renan Calheiros e Aníbal Gomes
- Inq 3985 - Humberto Costa
- Inq 3986 - Edison Lobão
- Inq 3988 - Lindbergh Farias
- Inq 3989 - João Vaccari Neto, Fernando Baiano e mais 37 políticos: Agnaldo Velloso Borges Ribeiro, Aline Correa de Oliveira Andrade, Aníbal Ferreira Gomes, Arthur Cesar Pereira de Lira, Benedito de Lira, Carlos Magno Ramos, Ciro Nogueira Lima Filho, Dilceu Sperafico, Edison Lobão, Eduardo Henrique da Fonte Albuquerque Silva, Fernando Antonio Falcão Soares, Gladison de Lima Cameli, Jeronimo Pizzolotto Goergen, Jão Alberto Pizzolatti Junior, João Felipe de Souza Leão, João Luiz Argolo Filho, João Sandes Junior, João Vaccari Neto, José Alfonso Ebert Hamm, José Linhares Ponte, José Olimpio Silveira Moraes, José Otávio Germano, José Renan Vasconcelos Calheiros, Lázaro Botelho Martins, Luiz Carlos Heinze, Luiz Fernando Ramos Faria, Mário Silvio Mendes Negromonte, Nelson Meurer, Pedro da Silva Corrêa de Oliveira Andrade Neto, Pedro Henry Neto, Renato Delmar Molling, Rogério Egídio Balestra, Roberto Pereira Britto, Roberto Sergio Ribeiro Coutinho Teixeira, Romero Jucá Filho, Simão Sessim, Valdir Raupp de Mattos, Vilson Luiz Covante e Waldir Maranhão Cardoso.

- Inq 3990 - Vander Loubet e Cândido Vaccarezza
- Inq 3991 - Otávio Germano e Luiz Fernando Farias
- Inq 3992 - João Pizzolatti
- Inq 3994 - Benedito de Lira e Arthur de Lira
- Inq 3995 - José Mentor
- Inq 3997 - Nelson Meurer
- Inq 3998 - Eduardo da Fonte
- Inq 3999 - João Pizzolatti
- Inq 4000 - João Pizzolatti e Roberto Teixeira
- Inq 4005 - Fernando Bezerra Coelho.

   Após vencido o prazo das investigações ou concluídos os inquéritos, o Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, oferecerá denúncia, ao ministro Teori Zavaski, relator da matéria no STF, dos casos com materialidade do crime comprovada.


Nenhum comentário: