sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Em luta intestina, Renan rouba até frase alheia



 O presidente do Senado, Renan Calheiros, alvo de vários inquéritos na justiça e denunciado na Lava Jato por pegar propina do Petrolão, está de mal com o seu, não menos enlameado, parceiro do PMDB, o vice presidente da República, Michel Temer.

    Na briga entre os compadres, Renan - na tentativa de ofender Temer - roubou uma frase de "Toninho Malvadeza", como era chamado o ex-senador baiano, Antônio Carlos Magalhães, já falecido.
   
    Na época, 1999, ACM era presidente do Senado e reagiu a nota enviada pelo peemedebista Temer, então presidente da Câmara. Para ridicularizar seu opositor, ACM usou a semelhança física de Michel Temer com o ator Vincent Price, considerado dono do rosto mais representativo do horror sem máscara e o vilão mais apavorante do cinema americano nas décadas de 40, 50 e 60.
   
   Senador Renan Calheiros, filme de terror é a política brasileira, é esse Congresso Nacional e esse governo petista do qual o senhor faz parte!

Um comentário:

Anônimo disse...


Acaba com eles Canga.
Toca ferro nesses canalhas.

abs, miguel livrado.