terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Tutelado, resta a Colombo os factóides

     Desde a sua posse em 1 de janeiro de 2011, o governador Raimundo Colombo tem como sua maior obra a fabricação de factóides.
Politicamente não consegue montar nenhuma estratégia pois está sempre eclipsado pelo ex-governador Luiz Henrique da Silveira que é quem manda de fato no governo.
    Uma prova disso é a entrevista de LHS ao colunista Moacir Pereira no DC de hoje. Confira aqui
    A influência de Luiz Henrique sobre Raimundo é tão grande que até o seu estilo fanfarrão foi copiado pelo atual governador. Luiz Henrique em oito anos de governo não realizou nenhuma grande obra para Santa Catarina. Apresentou factóides que somente renderam dividendos à políticos na execução de projetos mirabolantes que nunca sairam do papel. 
A ver onde estão:
- O Metrô de Superfície
- A recuperação da ponte Hercílio Luz
- O polo cionematográfico em Criciúma
- e mais aquele monte de projetos frutos do "ócio criativo" do amiguinho italiano
 Domenico de Massi. 
    Afora isso, LHS também é o pai da idéia de trazer, para a festa de fim de ano, o tenor italiano Andréa Boceli, que resultou num grande golpe aos cofres públicos sem que o tenor tenha dado as caras por aqui.
 
    Resta ao governador Colombo a produção de notícias e promessas alvissareiras que são divulgadas na mídia como obras que serão realizadas em pouco espaço de tempo. Raimundo Colombo foi tão a fundo na produção de obras midiáticas que superou seu criador. Em um ano de governo conseguiu produzir tanta mentira que chega envergonhar até o próprio criador dos factóides, o carioca Cesar Maia.
Os factóides:
1 - Duplicação da BR 470

 Após reunir-se com os prefeitos João Paulo Kleinubing (Blumenau) e Miltom Hobus (Rio do Sul), mais os secretários e assessores, definiu a obra como prioridade absoluta. "Se o governo federal não assumir compromissos claros de atacar logo a obra, a SC-Parcerias construirá uma nova estrada, com a iniciativa privada, mediante cobrança de pedágio". (Conversas Cruzadas – TV COM).

2. Penitenciária:
Ainda no mesmo Programa “Conversas Cruzadas”, com a ajuda do vice Eduardo Pinho Moreira (é mentira TERTA) Raimundo Colombo informou que vai transformar o espaço físico da Penitenciária Estadual num moderno complexo médico-hospitalar da Grande Florianópolis. O vice Eduardo Moreira, revelou negociações com a SOS Cárdio para compra do moderno hospital recentemente construído e pronto para operar no início da SC-401.

3. Volta aos quartéis:
Na mídia, Colombo confirmou assinatura de decreto para fazer retornar aos quartéis os soldados em desvio de função. Os órgãos com proteção constitucional para requisitar policiais terão que indenizar as despesas para permitir novas admissões na PM. Concordou que os policiais que trabalham no operacional, combatendo a criminalidade, é que devem ter gratificações especiais e melhores salários.

4. Economia de R$ 1 bilhão:
Manchete do Jornal de Santa Catarina (04/01/2011): Corte de gastos é o início
Na matéria o recém empossado Raimundo Colombo pede empenho da equipe para acumular R$ 1 bilhão em quatro meses. As medidas para tanto:  contenção de despesas em todas as secretarias e estatais, revisão de todos os contratos e assinatura do decreto que suspende novos contratos do programa Pró-Emprego pelos próximos 120 dias.


5- O exemplo (outro factóide):
Para dar o exemplo, o governador começou por cortar na própria carne: não renovou o contrato de aluguel do helicóptero que fazia o transporte do governador pelo Estado.(isso só pode ser piada)

6- Nova penitenciária de Palhoça
Governador de SC construirá nova cadeia após fuga, mancheteavam os tablóides da capital.
Para fazer contraponto às notícias da fuga de cerca de 80 presos
do Complexo Penitenciário de Florianópolis, Raimundo Colombo anunciou a construção urgente de uma nova penitenciária entre as cidades de Paulo Lopes e Palhoça "daqui a até 11 meses", disse o governador.
"Aí nós vamos resolver esse problema de vez, para que não ocorra mais esse tipo de incidente". 



Desde a época do factóide até hoje várias fugas aconteceram e Raimundo Colombo ainda está buscando terreno para construir a tal penitenciária.

E tem mais...
- Mutirão das cirurgias com mais de cinco mil autorizações (não aconteceu)

Centro de Triagem São Lucas
- Colombo afirmou na imprensa que em até seis meses, começaria a construção de um novo Centro de Atendimento Socioeducativo. Segundo Raimundo Colombo, o dinheiro, R$ 12 milhões, já está na conta e todo o processo de contratação da construtora será fiscalizado pelo Ministério Público. “Não é só demolir um prédio, é a construção de um novo modelo”, assegurou.
Resultado?  Até a presente data não saiu do papel.

Anônimo deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Tutelado, resta a Colombo os factóides": Caro jornalista,
Isto explica por o Colombo gostou tanto de Miami.
Lá ele pode trabalhar em paz e realizar seus grandes sonhos.
Lá ele teve autonomia, até de voo... 
 

Nenhum comentário: