quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Peluso condena João Paulo à perda do mandato e 6 anos de prisão

   O ministro Cesar Peluso, do Supremo Tribunal Federal, condenou os réus do mensalão que estão sendo julgados de acordo com o ítem três da denúncia. Disse ele:
   As pena: para João Paulo Cunha, seis anos e 100 dias de prisão e perda do cargo eletivo; para Marcos Valério, 16 anos de prisão em regime fechado e multa de três salários mínimos; para Ramon Hollerbach e Cristiano Paz, 10 anos e oito meses de prisão em regime fechado e três salários mínimos de multa; para Henrique Pizzolato, oito anos de prisão em regime fechado e um salário.

Nenhum comentário: