segunda-feira, 16 de abril de 2012

Doutorado em corrupção

No Moacir Pereira (DC):
O conselheiro Salomão Ribas Junior ficará dois meses afastado das atividades do Tribunal de Contas de Santa Catarina para concluir a sua tese de doutorado sobre corrupção, na Universidade de Salamanca, na Espanha.(...)

Comentário de um vizinho do Cangablog:
- É compreensível a viagem para Salamanca-Espanha.  

- A bibliografia sobre corrupção aqui no Brasil está muito desatualizada.  
- E se a tese é de doutorado, melhor fazer num local com mais tradição.

8 comentários:

Anônimo disse...

Junior, Junior!!!! Honrarás o nome de teu pai?

Anônimo disse...

É verdade!
É porque faltam "PHDs" nessa matéria no Brasil.
E quando retornar, sua Excelência vai estar se aposentando, ai não poderá aplicar no STCE/SC - Suntuoso Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina.
Que pena!

Anônimo disse...

Isso tá com cara de turismo às custas da viúva! Não podia ter feito esse doutorado aqui no Brasil? Na UFSC? E o sujeito ainda faz questão de ficar divulgando nessa imprensa chapa-branca essa vergonha. Esse país, definitivamente, não é sério!!!!

Anônimo disse...

Garanto que a corrupção de Santa Catarina nem vai notar a ausência dele! Boa viagem, Salomão! Vai fazer de conta lá na Espanha, por que no teu Tribunal-de-Faz-de-Conta, você já deu o que tinha de dar. E aproveita e junta bastante Euro das diãrias. O povo cararinense agradece, afinal já está acostumado a ser achacado...

Anônimo disse...

Palhaçada com o dinheiro público!!!! Foi fazer lá na Europa pra faturar diária internacional! No mínimo, não consegui ser aprovado em nenhum doutorado de universidade pública e gratuita daqui e foi fazer numa que basta pagar para entrar. E se é para pagar, que o erário banque. De preferência no exterior que eu passeio e ainda embolso uns trôco de diária.

Anônimo disse...

Essa imprensa tradicional é uma vendida mesmo. Fica publicando essas notícias a pedido dos amigos que acham que assim se promovem. Eu teria vergonha dum absurdo desses. Pesquisar corrupção na Espanha. Pesquisa aqui. Material não falta.

Anônimo disse...

Tomara que fique por lá. Desde q me entendo por gente q Salomão e TCE säo sonõnimos. Já passô da ora de renovar essa turma. SC não aguenta mais essas mesmas figuras mamando nas tetas do erário. Esse doutorado é mais um descalabro com o dinheiro do contribuinte. Chega de derrama!!!!!!!

Anônimo disse...

Ô Canga!!! Me explica aí o que ninguém dessa imprensa vendida fala: por que é que um servidor que está à beira da aposentadoria compulsória sai para fazer um doutorado às custas do tesouro do Estado? Em que é que esse doutorado dele vai contribuir para os serviços prestados pelo TC? Quando ele terminar isso daí, já vai estar aposentado, provavelmente, advogando em defesa dos corruptos e contra o Estado que pagou esse curso dele! Uma vergonha! Como é que o Tribunal permite um absurdo desses? Só mesmo aqui nessa República das Bananas. E o que mais impressiona é essa ação entre amigos, dos jornalistas que ficam divulgado tal fato como se fosse um grande acontecimento, uma coisa positiva para Santa Catarina.